Become a member

Get the best offers and updates relating to Liberty Case News.

― Advertisement ―

spot_img

Presidente da República João Lourenço participa na Investidura de Azali Assoumani, Presidente da União das Comores

PRESIDENTE JOÃO LOURENÇO DISCURSOU HOJE NA CERIMÓNIA DE INVESTIDURA O Presidente da República de Angola, João Lourenço, também Presidente em Exercício da Comunidade para o...
HomeNOTÍCIASCRIMEDirector da escola "Novo Método" no Zango 3 acusado de abuzar sexualmente...

Director da escola “Novo Método” no Zango 3 acusado de abuzar sexualmente menina de 15 anos 

Uma menina, de 15 anos de idade, terá sido violada sexualmente pelo director da Escola Privada Novo Método situada no Zango 3, município de Viana. A mãe da menor apenas tomou conhecimento após notar que a sua filha tinha muitos desmaios

Tudo aconteceu no final do ano passado, quando o director da escola acima referida permitiu que todos os alunos pudessem ir para casa e isolou a vítima, uma estudante de 15 anos de idade. Segundo a mãe (cujo nome, por razões óbvias, não vamos citar), a menina foi levada supostamente pelo director numa das salas de aula; quando pensava tratar-se de um assunto escolar, o director terá retirado as vestes da menina para, a seguir, abusar dela sexualmente.

Apesar de ter gritado por socorro, não obteve ajuda, tendo o director alegadamente consumado o acto e abandonado a sala. “Esta dirigiu-se à casa de uma das colegas, a chorar, e contou o que aconteceu.

As colegas pretendiam falar com o director, mas a minha filha dizia que não, no sentido de evitar que eu tivesse conhecimento, uma vez que me encontrava doente”, disse, em conversa exclusiva ao jornal OPAÍS. Segundo a entrevistada, a sua filha preferiu sofrer calada este tempo todo, por ter tido medo de que a notícia pudesse causar outros problemas à mãe, que já estava doente.

C/ O País