Become a member

Get the best offers and updates relating to Liberty Case News.

― Advertisement ―

spot_img

Mulher de 49 anos suspeita de queimar sobrinha

A Polícia Nacional em Luanda deteve, no Distrito da Camama, município de Talatona, uma mulher, de 49 anos, por supostamente ter queimado a sobrinha,...
HomeÁFRICAEletricidade: Nigéria cortará energia para Togo, Benin e outros países

Eletricidade: Nigéria cortará energia para Togo, Benin e outros países

O regulador de electricidade da Nigéria ordenou ao operador da rede que reduzisse o fornecimento de electricidade a clientes estrangeiros. Na verdade, os clientes internacionais devem cerca de 12,02 milhões de dólares, ou pouco mais de 7 mil milhões de francos CFA, às empresas de electricidade do país por serviços não pagos.

Devido a esta dívida colossal, a Nigéria reduzirá, portanto, o fornecimento de electricidade aos seus clientes estrangeiros.

Na verdade, a Nigéria há muito que dá prioridade ao fornecimento de electricidade para contratos internacionais em detrimento do consumo interno. Esta situação causou dificuldades à sua população.

A  Comissão Reguladora de Electricidade da Nigéria  (NERC) acredita que os actuais contratos internacionais eram demasiado flexíveis. E além disso, os beneficiários nem sempre respeitam as regras, o que afetou outros usuários da rede.

Para remediar a situação, o regulador decidiu limitar a 6% a produção total da rede disponível para compradores internacionais. Em particular, Benim, Togo e Níger, durante os próximos seis meses a partir de 1 de Maio. Estes três países poderão estar gravemente carentes de electricidade.

A medida ocorre num momento em que o sector energético da Nigéria enfrenta dificuldades, com várias interrupções importantes este ano. Assim, a população deverá enfrentar uma oferta insuficiente, com menos de 4000 MW injetados na rede, longe da procura local.

Note-se que recentemente o Togo já enfrenta inúmeras reduções de carga que afectam as actividades económicas e preocupam a população.