Become a member

Get the best offers and updates relating to Liberty Case News.

― Advertisement ―

spot_img

Amnistia Internacional exige respeito ao direito de protestos em Luanda

A Amnistia Internacional lembra que as autoridades angolanas devem respeitar os direitos dos manifestantes em Luanda durante a manifestação prevista para 22 de junho...
HomeECONOMIAChina investiga papel da auditora PwC nas contas inflacionadas da Evergrande

China investiga papel da auditora PwC nas contas inflacionadas da Evergrande

A China está a avaliar o papel da auditora PricewaterhouseCoopers (PwC) nas práticas contabilísticas da Evergrande, após a multa à construtora por ter inflacionado o seu volume de negócios, noticia a agência Bloomberg.

O regulador de valores mobiliários chinês acusou esta semana a Evergrande e o seu fundador de adulterarem as receitas do grupo na China em quase 80 mil milhões de dólares (cerca de 73 mil milhões de euros) em 2019 e 2020.

Bloomberg, que cita fontes anónimas, referiu que as autoridades chinesas contactaram alguns dos contabilistas da PwC, uma das quatro maiores empresas de auditoria do mundo, no âmbito da investigação a Xu Jiayin, o fundador do grupo, que se tornou um dos rostos mais visíveis da crise imobiliária chinesa.

De momento, salientaram as mesmas fontes, não foi tomada qualquer decisão sobre uma eventual punição contra auditora.

No início de 2023, a PwC anunciou o seu afastamento da auditoria à Evergrande devido a discrepâncias sobre a quantidade de informação recebida para avaliar as contas da empresa relativas ao exercício de 2021. A PwC demitiu-se igualmente da auditoria de pelo menos uma dúzia de empresas do setor nos últimos dois anos.