Become a member

Get the best offers and updates relating to Liberty Case News.

― Advertisement ―

spot_img

Projeto Político Partido Liberal

Projeto Político Partido Liberal A Juventude Africana como Protagonista do Futuro do Continente. Em um dia como hoje, celebramos o Dia da África, uma data de...
HomeDESPORTOPSG defronta FC Barcelona sob elevada tensão terrorista

PSG defronta FC Barcelona sob elevada tensão terrorista

O Paris Saint-Germain defronta esta quarta-feira, 10 de Abril, o FC Barcelona num jogo a contar para a primeira mão dos quartos-de-final da Liga dos Campeões europeus de futebol masculino.

Os dois últimos jogos da primeira mão dos quartos-de-final da Champions, prova organizada pela UEFA, decorrem esta quarta-feira: PSG-FC Barcelona e Atlético de Madrid-Borussia Dortmund.

PSG está imune a pressões?

O Paris Saint-Germain tem estado imune a pressões, quer do jogo, quer do risco terrorista que deu muito que falhar nos últimos dias.

Dentro das quatro linhas, duas equipas: PSG, clube francês que ainda não venceu a Champions, e o FC Barcelona que tem cinco troféus da Liga dos Campeões no seu historial.

No que diz respeito aos confrontos directos, vantagem FC Barcelona. Em todas as 13 partidas oficiais, os ‘Blaugranas’ venceram cinco vezes, os parisienses triunfaram quatro e houve também quatro empates.

O último confronto foi durante a temporada 2020/2021, nos oitavos, com um apuramento do PSG. Os parisienses venceram por 1-4 na primeira mão na Catalunha, e empataram em casa no Parque dos Príncipes em Paris.

O FC Barcelona não vence desde 8 de Março de 2017 com um triunfo por 6-1 e um apuramento para os quartos, isto após a derrota fora de casa por 4-0. Foi a famosa ‘remontada’ que está na mente de todos os adeptos parisienses.

De notar que as duas equipas já se defrontaram numa final europeia, a final da Taça das Taças, em que os catalães derrotaram o PSG por 1-0, a 14 de Maio de 1997, num encontro em que o único tento foi apontado pelo avançado brasileiro, Ronaldo, de grande penalidade.

João Félix, internacional português.
João Félix, internacional português. © AFP – JOSEP LAGO

Risco terrorista?

Os quatros jogos da Liga dos Campeões europeus estão debaixo de risco terrorista. No entanto, a UEFA confirmou que todos os jogos iam se realizar, apesar da ameaça de ataques terroristas por parte do Daesh.

Recorde-se que a fundação Al Azaim, responsável pela difusão de mensagens do Daesh – Estado Islâmico, partilhou na segunda-feira uma mensagem sob o título ‘Kill Them All‘ (ndr: Matem-nos a todos).

Na mesma imagem, estão ainda escritos os nomes dos quatro recintos desportivos que serão palco do Arsenal-Bayern Munique (Emirates Stadium), do Real Madrid-Manchester City (Santiago Bernabéu), do Atlético de Madrid-Borussia Dortmund (Cívitas Metropolitano) e do PSG-Barcelona (Parque dos Príncipes).

O governo francês já anunciou um “reforço considerável” da segurança na capital do país para o jogo Paris Saint-Germain-FC Barcelona.

O responsável da polícia com quem falei, reforçou consideravelmente os recursos de segurança“, afirmou o ministro do Interior francês, Gérald Darmanin, referindo-se a “uma ameaça clara e pública do Estado Islâmico“.

Parque dos Príncipes, Paris. Imagem de Arquivo.
Parque dos Príncipes, Paris. Imagem de Arquivo. © AFP