Become a member

Get the best offers and updates relating to Liberty Case News.

― Advertisement ―

spot_img

Camarões: lésbica, Brenda Biya revela sua homossexualidade

Nos Camarões, o jornalista e denunciante Remy Ngono expõe a orientação sexual da filha do presidente camaronês Brenda Biya. Esta última seria lésbica segundo...
HomeNOTÍCIASCRIMEPASTOR FERNANDO KAMALANDUA ESTÁ OU NÃO IMPLICADO NA MORTE DA ESPOSA ?

PASTOR FERNANDO KAMALANDUA ESTÁ OU NÃO IMPLICADO NA MORTE DA ESPOSA ?

Acusações ao rubro

Várias vozes levantam – se associadas às acusações a – ferro – fogo contra  líder da igreja mensagem do último tempo (IMUT), Pastor Fernando Kamalandua, de provavelmente estar envolvido na morte da sua legítima esposa que trouxe de Kinshasa e abandonada na zona da cuca por si depois de ter caído doente e acamada por longos anos, apurou Diário Independente de fontes seguras.

By redacção

Esperança  Kamalandua, morreu recentemente e de forma inglória, resultante do abandono  a que terá sido vítima pelo Fernando Kamalandua, com ela que terá contraído matrimônio forçada há longos por pastores  duma das igreja de Kinshasa devido aos “caprichos” invejosos do líder da IMUT em Angola que fez com que ela rompesse a relação amorosa que já tinha afirmada com um médico que lhe teria tido como esposa para toda vida.

 De acordo com pessoas próximas da malograda, sobretudo a vizinhança, que acompanhou vagamente  o seu longo sofrimento, afirmam que foi um “golpe duro” para com ela e sua família.

“Nós somos vizinha da mana Esperança e temos noções o quão “golpe duro” ela levou deste senhor que não nos parece ser uma pessoa de Deus ao ponto de abandona–la e com um enorme agregado familiar “, referiu uma das vizinha que não quis identificar – se pelo nome.

Esperança Kamalandua que era impedida pelo esposo para evitar deslocar – se à uma unidade hospitalar para tratamentos médicos pontual, era uma mulher confusa que não sabia ao certo que tipo pecado pesava sobre  si e por que motivos pastor Kamalandua posicionava – se como um homem quão cruel até  levá – la para última morada.

Um dos vizinhos, visivelmente agastado com o infausto acontecimento, disse  no anonimato que a morte da Esperança Kamalandua é uma peça montada pelo próprio marido a julgar  pela proibição imposta pelo Kamalandua  de não receber tratamentos médicos e mantê -la numa casa abandonada por longos anos..

“Nunca tivemos problemas com a nossa falecida vizinha. Foi sempre alguém que cultivou boas relações connosco durante a sua vida. A morte dela choca – nos duramente, e por aquilo que vamos ouvindo internamente, atribui – se culpas direitas ao próprio pastor, seu marido. Ela nunca conheceu a porta do hospital, foi posta num buraco de abandono de grande angustia”, concluiu.

Numa altura em que se caminha vagamente para às decisões que devem permitir  a escolha do dia para o enterro,  na zona da cuca algures do tanque de água da Epal, onde decorre o velório, vislumbra – se um ambiente  ” impróprio para cardíacos ” pelo que a vinda de família de Kinshasa  dentro de dias pode forçar pastor Kamalandua a transladar os restos mortais para República Democrática do Congo embora o marido e comunidade Cristã da IMUT em Lunda entendam que seja sepultada no país.

Por seu turno, Celeste Vida, antiga fiel da IMUT e uma das vítimas de violência sexual por Kamalandua, ainda adolescente, disse numa das publicações que fez nas redes sociais que a morte da Esperança Kamalandua é “ um acto de barbaridade sem qualquer explicação“ que veio provar o tamanho de crimes de mortes causadas pelo pastor com maior incidencia para a morte de vários membros da IMUT e fortelecem as suas forças ocultas. Também, atira – se contra os próprios filhos que no seu entender foram os cúmplices e quase nada fizeram para mantê-la vida.

“Está mais que provado que a morte da esposa é uma acção de barbaridade propositada pelo Kamalandua. É inconcebível que uma pessoa que ama o seu próximo tenha atitudes danosas que levam à morte de alguém que durante muitos anos partilhou consigo a mesma casa e cama “, lamentou.